VAMOS FALAR DE PÓS PARTO E LIBIDO?

VAMOS FALAR DE PÓS PARTO E LIBIDO?

Em Quinta, 01 Junho 2017. Postado em Pós-Parto

Queixas a respeito de problemas relacionados com o ressecamento vaginal e também relativos a libido no pós parto, são relativamente frequentes. Muitas vezes essas queixas são decorrentes de alterações hormonais normais ou fisiológicas que ocorrem nesse período. O pós parto é um momento em que a mulher encontra-se envolvida com uma nova dinâmica em sua rotina, que é cuidar de um bebê e também lidar com todas essas alterações que o corpo sofre. A intensidade dos sintomas e das alterações hormonais podem variar de mulher para mulher, mas é importante destacarmos que essa é uma condição normal e natural do corpo e que tende a diminuir com o tempo.

Vamos falar de números? Em um levantamento sobre o assunto, nos deparamos com números importantes que mostram que aproximadamente 87% dos casais relataram ter vivenciado problemas sexuais no pós-parto em contraste com a sexualidade pré-gestacional, e que o desejo sexual é significativamente menor durante o primeiro ano, após o parto, para 97% das mulheres. Essas alterações se justificam pelo ressecamento vaginal, horas não dormidas em decorrência dos cuidados com o filho, problemas emocionais entre outros.

O ressecamento vaginal é um dos resultados deste conjunto de fenômenos relacionados intimamente com as variações hormonais, consequência de uma lubrificação vaginal insuficiente tornando a penetração mais difícil e menos agradável. Como já falamos, isso causa impacto na vida do casal e na auto estima da mulher, portanto é um fator que deve ser levado ao médico e conversado, a utilização de géis hidratantes intravaginais nesses casos, pode ser uma solução para atenuar o desconforto e tornar a retomada da intimidade mais prazerosa.

Dr Marcus Sá
Clinica Médica
CREMERJ 38.658-1

Os conceitos e informações presentes no material são de responsabilidade única e exclusiva do autor, não refletindo obrigatoriamente a opinião da Merck.