Dicas

Vamos Falar de Sexo na Maturidade?

on Sábado, 16 Setembro 2017. Posted in Dicas, Relações e atividades sexuais

imageA convite da Merck, líder mundial em ciência e tecnologia,a Dra. Carmita Abdo, psiquiatra e Coordenadora em Estudos da Sexualiade da USP, apresentou hoje, no Restaurante Tavares, em São Paulo, para um grupo de convidados e jornalistas, uma palestra bastante esclarecedora sobre os problemas relacionados ao sexo no período do climatério e da menopausa. Segundo ela, muitos são os fatores que levam à perda da libido e podem afetar o desempenho sexual, englobando problemas físicos, como algumas doenças, tais como a depressão, ansiedade, psicoses, demência; doenças cardiovasculares, hipertensão, dislipidemia, diabetes mellitus, hipo/hipertireoidismo, câncer e muitas outras. A diminuição dos hormônios sexuais na menopausa, podem também causar: ondas de calor, os famosos “fogachos” atrofia da mucosa da vagina incontinência urinária musculatura do assoalho pélvico mais frágeis menor resposta clitoriana aos estímulos secura vaginal, pele mais fina, menos elástica e menos sensível glândulas mamárias se hipotrofiam (mamas flácidas) mamilos perdem parcialmente a capacidade de ereção.

Assim, é necessário sempre consultar um especialista médico para se achar uma solução mais favorável ao paciente nessa fase de sua vida. Segundo a Dra. Carmita, o tema menopausa é muito recente nos estudos médicos, porque, antigamente a expectativa de vida não alcançava as mulheres dessa faixa etária. Os problemas de falta de lubrificação vaginal e ressecamento acomete muitas mulheres com idades variadas e podem ser combatidos com o uso de certos medicamentos e, agora, com o Lubrinat, produzido pela Master e comercializado pela Merck, empresa alemã líder em ciência e tecnologia, é um gel hidratante intravaginal cuja fórmula auxilia na manutenção da hidratação vaginal. Seu maior diferencial é ser à base de ácido hialurônico, uma molécula natural presente em muitos tecidos humanos é responsável por manter os níveis corretos de umidade e hidratação em ambientes sensíveis.

Você sabe como surgiu o Outubro Rosa?

on Sexta, 06 Outubro 2017. Posted in Dicas

O movimento conhecido mundialmente como Outubro Rosa nasceu nos Estados Unidos, na década de 1990, o nome remete à cor do laço rosa que simboliza a luta contra o câncer de mama para estimular a participação da população, empresas e entidades no controle do câncer de mama. A data é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce da doença.

Algumas curiosidades:

  • A história do Outubro Rosa remonta à última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990 e, desde então, promovida anualmente na cidade (www.komen.org).

  • A ação de iluminar de rosa monumentos surgiu posteriormente ao longo dos anos e foi conquistando todo o mundo.

  • É importante ressaltar que o laço rosa virou um símbolo importantíssimo e visualmente fácil de se reconhecer, o que ajuda na propagação da campanha.